17 outubro 2009

Teorias Demográficas

Teoria Malthusiana

Malthus afirmava que população cresceria em progressão geométrica (1, 2, 4, 8, 16, 32, 64...) enquanto a produção de os alimentos em progressão aritmética (1, 2, 3, 4, 5, 6, 7...).

Para Malthus a pobreza era gerada a partir do crescimento demográfico.

Nos países que se industrializaram, a produção de alimentos aumentou e a população que migrava do campo encontrava na cidade uma situação socioeconômica e sanitária muito melhor. Assim, a mortalidade se reduziu e o índice de crescimento populacional tenderia a seguir um ritmo de progressão geométrica, a produção de alimentos cresceria segundo uma progressão aritmética. Assim, a população tenderia a crescer além dos limites de sua sobrevivência, e disso resultaria a fome e a miséria.

Diante dessa constatação e para evitar uma catástrofe, Malthus propôs uma “restrição moral” aos nascimentos, o que significaria: proibir o casamento entre pessoas muitos jovens; limitar o número de filhos entre as populações mais pobres; elevar o preço das mercadorias e reduzir os salários, a fim de pressionar os mais pobres; elevar o preço das mercadorias e reduzir os salários, a fim de pressionar os mais humildes a ter uma prole numerosa.

Ao lançar suas idéias, Malthus desconsiderou as possibilidades de aumento da produção agrícola como o avanço tecnológico. Aos poucos esta teoria foi caindo em descrédito de desmentida pela própria realidade.

Bases da Teoria de Malthus:

þ O individuo só deveria casar se para isso não tivesse que diminuir seu padrão de vida

þ O individuo só deveria ter o número de filhos que pudesse sustentar sem o auxilio do Estado.

þ Após conceber os filhos sustentáveis deveria praticar abstinência.

þ Malthus era pastor protestante e defendia o princípio bíblico da não utilização de anticonceptivos.

Neomalthusianos

(a partir de 1950. Explosão demográfica - planejamento familiar).

A segunda aceleração do crescimento populacional ocorreu a partir de 1950, particularmente nos países subdesenvolvidos.

Esse período, imediatamente posterior à Segunda Guerra Mundial, foi marcado pelo surgimento de novos países independentes africanos e asiáticos e por grandes conquistas na área da saúde, como a produção de antibióticos e de vacinas contra uma série de doenças. Os remédios se tornaram mais acessíveis e baratos. Esse processo denominado revolução médico sanitária, inclui também a ampliação dos serviços médicos, as campanhas de vacinação, a implantação de postos de saúde publica em zonas urbanas e rurais e a ampliação das condições de higiene social. Estes fatores resultariam num grande crescimento demográfico, que atingiu seu apogeu na década de 1960 e ficou conhecido como explosão demográfica.

Para os Neomalthusianos, uma população numerosa seria um obstáculo ao desenvolvimento e levaria ao esgotamento dos recursos naturais, ao desemprego e à pobreza. Enfim ao caos social. A desordem social poderia levar os países subdesenvolvidos a se alinhar com os países socialistas, que se expandiam naquele momento. Para evitar o risco propunham a adoção de políticas de controle de natalidade, que se popularizavam com a denominação de planejamento familiar.

Neomalthusianista – Adiciona o uso de métodos anticoncepcionais. E o planejamento familiar.




Thomas Malthus – Séc. XVIII e XIX – Revolução Industrial

Teoria reformista ou marxista

Sobrevivência do capitalismo exige um excesso relativo de população.

Seguidores do filosofo socialista Karl Marx, os teóricos desse pensamento afirmam que a causa da superpopulação é o modo de produção capitalista e que a sobrevivência do capitalismo, como sistema, exige um excesso relativo da população. Em outras palavras, ao contrario dos neomalthusianos, os reformistas consideram a miséria como a principal causa do acelerado crescimento populacional. Assim defendem a necessidade de reformas sócio-econômicas que permitam a melhoria do padrão de vida da população mais pobre.

Marxistas ou reformistas – A questão está na má distribuição de renda.


A transição demográfica

Em oposição às teorias descritas anteriormente, para as quais o mundo vive um processo de explosão demográfica, tem sido cada vez mais aceita a teoria da transição demográfica. Formulada em 1929, defende que o crescimento populacional tende a se equilibrar no mundo, com a diminuição das taxas de natalidade e mortalidade.

Esse processo se daria em três distintas fases:

þ Primeira Fase ou Pré-Industrial: Caracterizada pelo equilíbrio demográfico e por baixos índices de crescimento vegetativo, apoiados em elevadas taxas de natalidade e mortalidade. Nascem muitos, mas morrem muitos. A elevada mortalidade era decorrente principalmente das precárias condições higiênico-sanitárias, das epidemias, das guerras, fome, etc.

þ Segunda Fase ou transicional: Num primeiro momento a redução da mortalidade com o fim das epidemias e os avanços médicos (decorrentes da Revolução Industrial), porém a natalidade ainda sem mantém elevada, ocasionando um grande crescimento populacional; num segundo momento, a natalidade começa a cair, reduzindo-se então o crescimento populacional.

þ Terceira Fase ou Evoluída: A transição demográfica se completa, com a retomada do equilíbrio demográfico, agora apoiado em baixas taxas de natalidade e mortalidade. Atualmente estão nessa fase os paises desenvolvidos, a maior parte dos quais apresenta taxas de crescimento inferiores a 1% e até negativa. Paises cujo crescimento vegetativo se encontra estagnado.

Teste seus conhecimentos

01. Sobre a teoria malthusiana explique o contexto histórico em que foi formulada.

02. Comente as bases da teoria de Malthus.

03. Como pode ser caracterizado o contexto histórico da Teoria Neomalthusiana.

04. O que significa uma população numerosa para os Neomalthusianos?

05. Explique porque planejamento familiar esta relacionado com a teoria Neomalthusiana.

06. Explique as características da Teoria Marxista.

07. O que defende a teoria da transição demográfica.

08. Explique as três fases da teoria da transição demográfica

09. A figura a baixo esta ligada a que teoria demográfica? Justifique.

10. Explique que teoria a imagem abaixo esta relacionada.

42 comentários:

  1. bem interessante esse resumo do assunto,

    ResponderExcluir
  2. nao gostei nao por que nao encontrei o que preciso nesta postagem popular !!!!!!

    ResponderExcluir
  3. Muito bom.

    E vocês que reclamaram, vão procurar em livros então.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. nao to di boa pra isso to sususegada to mais no hyaoo do que em livros
      kkkkkkkk tadim do seis to no tera somde brincadeira....

      Excluir
    2. Coitada dessa pessoa que está "de boa", não consegue nem montar uma frase coesa, quem dirá tirar uma boa nota no Enem :/

      Excluir
    3. tbm achoo jah q nao gostaram façam melhor então

      Excluir
  4. ... e as respostas dos exercicios, como vou saber se o que eu respondi esta certo???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. vc ta de perna aberta é na foto

      Excluir
    2. Nao pow e o oau dela duro querebdo fuder con teu cu!:-)

      Excluir
    3. respondendo o errado pra ver a reacao da tonta professora aquela cadela

      Excluir
    4. Minha resposta nem é direcionada à Mari, é direcionada aos idiotas infantis de cuzinhos arrombados que vêm aqui só para encher a porra do saco: enfiem um cavalo inteiro nesse buraco negro de uma vez, otários!

      Excluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. CADÊ AS RESPOSTAS????????????????

    ResponderExcluir
  7. lixoooooo issu e um lixoooooooooooo

    ResponderExcluir
  8. merdaaaaaaaaaaaaaa!!!!!!!
    pura porcaria
    devia tirar isso do google.
    lixo
    !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!):

    ResponderExcluir
  9. https://www.facebook.com/Iguinho15

    ResponderExcluir
  10. Essas figuras n tem nada ver , essas imagens são umas drogas , :P :P

    ResponderExcluir
  11. Meu como esse Anônimo reclama, ñ gostou, então para de encher

    ResponderExcluir
  12. Não achei oque queria, mas tdo bem, mas esse site é muito bom ;)

    ResponderExcluir
  13. Não tá satisfeito então faz o seu resumo!

    ResponderExcluir
  14. gosteii...beim interessanti...

    ResponderExcluir
  15. por que as pessoas tem que colocar palavrões em todo comentário que fazem? que grosseria!!

    ResponderExcluir
  16. Gostei do site, porém me surpreendi com os ignorantes que postam seus comentários imbecis aqui. Acho que se não gostaram, ao menos respeitem. Falam do site e nem sabem escrever direito. Por favor, né?

    ResponderExcluir
  17. Interessante, gostei do site.

    ResponderExcluir
  18. essas pessoas que xingaram poderia ao menos mostrar que faz melhor... curti o site continue assim pq vc ta nocaminhocerto

    ResponderExcluir
  19. tbm gostei do site e nao sei pq nao gostaram

    ResponderExcluir
  20. Conseguir fazer o meu trabalho e achei muito interessante! Gostei do resumo e do blog.

    ResponderExcluir